Quanto Ganha um Corretor de Imóveis: O que você precisa saber

Se você está pensando em ingressar no mercado imobiliário, uma das primeiras perguntas que pode surgir é: “Quanto ganha um corretor de imóveis?”. E isso é perfeitamente normal. Afinal, quando se considera uma nova carreira, é crucial ter uma ideia clara de como é o potencial de ganhos.

Nesse contexto, é importante esclarecer que um corretor de imóveis é um empreendedor. Embora existam oportunidades para ser contratado por uma empresa e trabalhar como funcionário (CLT), o corretor é, em sua essência, um representante comercial, um vendedor. Ele é o dono do próprio negócio e seu ganho é baseado nas transações imobiliárias que realiza.

No mercado imobiliário, o profissional precisa estar regularizado perante ao CRECI, ter Ensino Médio completo e fazer um curso de Transações Imobiliárias.

Vamos então para o que interessa: quanto ganha um corretor de imóveis?

Como é o comissionamento de um corretor de imóveis?

O valor da comissão de um corretor de imóveis pode variar conforme diversas regras. As duas mais comuns são:

  1. O corretor recebe uma parcela sobre o VGV (Valor Geral de Venda) do imóvel.
  2. A comissão é calculada sobre o VGC (Valor Geral de Comissão).

Entenda: VGV é o valor de venda total do imóvel. Enquanto isso, o VGC é a comissão total a ser recebida pelo trabalho. A comissão que era cobrada até 2018 era tabelada (na cidade de São Paulo, por exemplo, variava de 6% a 8% para transações de imóveis urbanos). No entanto, hoje em dia, não existe mais tabelamento, e o corretor pode cobrar o quanto acredita ser justo.

Para entender na prática, vamos fazer um exercício matemático. Suponha que o valor do imóvel seja R$ 500.000,00. Se o corretor ganhar 2% sobre o VGV, neste caso, o ganho será de R$ 10.000,00 na transação.

Agora, se o pagamento for em cima de 30% a 35% do VGC (supondo que o VGC seja de 6% do valor do imóvel), então o corretor receberá entre R$ 9.000,00 e R$ 10.500,00. Esse cálculo é comum para quem trabalha com imóveis em lançamento, por exemplo.

Entretanto, o cenário pode mudar se o corretor trabalha em uma imobiliária que oferece um Plano de Carreira. Em algumas delas, o corretor inicia sua carreira ganhando 45% do VGC. Neste caso, se considerarmos o VGC de R$ 30.000,00 (6% de um imóvel de R$ 500.000,00), o corretor receberá R$ 13.500,00 por transação.

Este é apenas o começo, à medida que o corretor se desenvolve, a porcentagem da comissão pode aumentar. Ou seja, é possível chegar a ganhar 60% ou até mesmo 70% do VGC, resultando em um valor de até R$ 21.000,00 por transação.

Como calcular o seu ganho anual como corretor de imóveis?

Agora que já entendemos o cálculo de comissões, vamos pensar um pouco mais como um empreendedor. Digamos que, para manter o seu padrão de vida, você queira ter uma renda de R$ 10.000,00 por mês.

O empreendedor pensa anualmente, então, o valor que você quer ganhar por ano é de R$ 120.000,00. Se em média, por transação, você ganha R$ 13.500,00.

Respostas aos Comentários: Corretor de Imóveis

Vamos responder algumas das questões levantadas nos comentários:

1. Comentário de @gabhiymartins1435: “Mas a opção de querer ganhar até 70% do VGC vai ser unânime, você não chegou a comentar se pra ganhar mais incorre mais algum custo ou taxa pra imobiliária?”

R: Para ganhar uma maior porcentagem do VGC, geralmente é necessário possuir um alto desempenho nas vendas ou ter uma posição de liderança dentro da imobiliária. Não há, necessariamente, custos adicionais envolvidos, mas é um sistema meritocrático – quanto mais você vende, mais você ganha.

2. Comentário de @arthurstuckert4694: “Onde posso fazer o curso de TTI com confiabilidade por EAD? Alguma indicação?”

R: Existe uma variedade de cursos de Técnico em Transações Imobiliárias (TTI) disponíveis online. Recomendo sempre verificar se a instituição que oferece o curso é reconhecida pelo MEC (Ministério da Educação) e CRECI (Conselho Regional de Corretores de Imóveis) do seu estado. Alguns exemplos de instituições de confiança incluem o Instituto Monitor e o Educamais Brasil.

3. Comentário de @cruzconsultoria-di2bo: “Agente fez VGV anual de 9.000.000,00 com 6% honorários, 540.000 de VGC. 45% comissão sobre o VGC seria 243.000 ano, sendo Captação e venda direta, correto? Agora supondo que a venda foi realizada por outro agente o agente captador recebe 121.500 ano, correto?”

R: Em teoria, você está correto. No entanto, cada imobiliária tem suas próprias regras sobre como as comissões são divididas entre o agente que captou a venda e o que a concluiu. Você precisará verificar diretamente com a imobiliária para obter a resposta precisa.

4. Comentário de @Joao-mg3ok: “É possível/viável ser corretor nas folgas?? Caso tenha uma venda encaminhada o gerente da imobiliária pode finalizar a venda por mim caso eu precise embarcar?”

R: Sim, é possível ser corretor de imóveis em meio período ou como uma atividade secundária. Contudo, lembre-se de que a disponibilidade para atender os clientes é um fator importante para o sucesso na carreira. Sobre a finalização da venda, a prática pode variar entre as imobiliárias. Alguns locais podem permitir que outro agente ou gerente finalize a venda, enquanto outros podem requerer que o próprio corretor conclua a transação.

5. Comentário de @luisfelipeviannamallmann1969: “Quanto da comissão, se paga em tava mês com 45, 60 ou 70%?”

R: A comissão paga para o corretor de imóveis depende do acordo estabelecido com a imobiliária e da quantidade de vendas realizadas. Em geral, as imobiliárias operam em um sistema de comissão escalonada, onde a porcentagem que você ganha aumenta conforme você vende mais.

Lembre-se de que o valor da comissão é apenas um dos fatores a considerar quando se escolhe trabalhar com uma imobiliária. Outros fatores, como o suporte fornecido pela imobiliária e a qualidade do inventário de imóveis, também são importantes.

Gostaria de esclarecer que cada imobiliária pode ter políticas diferentes, portanto é sempre importante checar essas informações com a imobiliária de interesse.

6. Comentário de @moniquemota758: “A empresa tem curso para quem quer ser um corretor?”

R: Algumas imobiliárias oferecem treinamento interno para seus corretores, o que pode incluir cursos sobre as práticas de mercado, habilidades de vendas e leis imobiliárias. No entanto, para se tornar um corretor de imóveis licenciado, você precisará concluir um curso de Técnico em Transações Imobiliárias (TTI) aprovado pelo CRECI do seu estado.

7. Comentário de @guiamaro8378: “Bem eu não recomendo nem indico ser um corretor de imóveis, começa que é autônomo, não tem 13º, férias, convênio médico, contribuição INSS, gasta muita gasolina, ainda mais com gasolina e álcool em valores absurdos.”

R: Ser um corretor de imóveis certamente tem seus desafios e pode não ser o ajuste certo para todos. Como você mencionou, os corretores de imóveis autônomos precisam arcar com seus próprios custos operacionais e não têm os mesmos benefícios que os trabalhadores assalariados. No entanto, a flexibilidade e o potencial de renda ilimitada que a carreira oferece também atraem muitas pessoas. É sempre importante pesar os prós e os contras antes de decidir entrar em qualquer carreira.

8. Comentário de @AlexSantos.97: “Como faz para ser um corretor?”

R: Para se tornar um corretor de imóveis, você precisa seguir algumas etapas. Primeiro, você deve completar um curso de Técnico em Transações Imobiliárias (TTI) aprovado pelo CRECI do seu estado. Após a conclusão do curso, você deverá solicitar e passar no exame do CRECI para obter sua licença de corretor de imóveis. Uma vez que você tenha sua licença, você pode começar a trabalhar para uma imobiliária ou como um corretor independente.

9. Comentário de @user-tq6dm4zy4g: “Boa tarde, oferece salário ou comissão ?”

R: A remuneração dos corretores de imóveis geralmente é baseada em comissões. Isso significa que você é pago uma porcentagem do valor de cada venda que você faz. O valor exato da comissão pode variar dependendo da imobiliária e da região onde você está trabalhando. Alguns corretores também recebem um pequeno salário base, mas isso é menos comum.

10. Comentário de @noahjose2069: “Tem que ter nome limpo pra ser corretor?”

R: Em geral, para se tornar um corretor de imóveis licenciado, você deve ter um bom caráter moral, o que geralmente inclui não ter condenações criminais graves. No entanto, as leis e regulamentos específicos podem variar de acordo com o estado. Em algumas áreas, ter um histórico de crédito ruim ou falência também pode ser um impedimento para obter uma licença imobiliária.

Lembre-se, no entanto, de que cada caso é único e deve ser avaliado individualmente. Portanto, se você tiver dúvidas específicas, recomendamos que consulte o conselho imobiliário de seu estado.

11. Comentário de @Aline-sf8wy: “Ata, quero ver um cliente paga 6% em Goias.”

R: A taxa de comissão para corretores de imóveis pode variar dependendo da região, e em alguns casos, pode ser difícil conseguir clientes dispostos a pagar uma comissão alta. No entanto, o valor da comissão muitas vezes reflete a quantidade de trabalho que o corretor coloca para vender a propriedade. É importante lembrar que a negociação é uma parte fundamental do trabalho de um corretor de imóveis.

12. Comentário de @lucasvideiracorretor: “Paga nada …. Gostei do artigo mais não é a verdade.”

R: Entendemos que a carreira de corretor de imóveis pode ser desafiadora e que os rendimentos podem variar dependendo de muitos fatores, incluindo a localização, a economia, a quantidade de esforço que você coloca e muitos outros. O mais importante é fazer uma pesquisa completa e entender completamente o que a carreira implica antes de decidir se é a certa para você.

13. Comentário de @sergiocarlucci8723: “Estou intencionado a fazer o curso juntamente com minha esposa, somos de Brasília. Como consigo uma oportunidade na empresa ?”

R: A primeira coisa que você e sua esposa precisarão fazer é concluir um curso de Técnico em Transações Imobiliárias (TTI) aprovado pelo CRECI. Depois disso, vocês precisarão se inscrever e passar no exame do CRECI para obter suas licenças. Uma vez que vocês tenham suas licenças, vocês podem começar a procurar oportunidades de emprego com imobiliárias. Algumas imobiliárias também podem oferecer programas de treinamento ou mentoria para novos corretores.

14. Comentário de @luisfelipeviannamallmann1969: “Quanto da comissão da empresa, se paga em tava mês com 45, 60 ou 70%?”

R: O valor que você recebe como corretor de imóveis geralmente é baseado em uma porcentagem do valor da venda da propriedade que você fez. Essa porcentagem pode variar dependendo da empresa para a qual você trabalha e das negociações específicas de sua remuneração. Alguns corretores trabalham em uma estrutura de comissão escalonada, onde a porcentagem que eles ganham aumenta com o número de vendas que fazem.

15. Comentário de @leticialares8745: “Aqui em bh eu recebo em média 15 a 30 mil.”

R: Isso é excelente! Ser um corretor de imóveis pode ser financeiramente gratificante para aqueles que são bem-sucedidos. No entanto, vale lembrar que os ganhos dos corretores podem variar amplamente dependendo de fatores como a localização, o estado do mercado imobiliário e o esforço individual do corretor.

16. Comentário de @Joao-mg3ok: “Sou Oficial da Marinha Mercante, trabalho 60 dias e folgo 60 dias. É possível/viável ser corretor nas folgas?? Caso tenha uma venda encaminhada o gerente da imobiliária pode finalizar a venda por mim caso eu precise embarcar?”

R: A carreira de corretor de imóveis pode oferecer uma certa flexibilidade, o que pode torná-la uma boa opção para pessoas que trabalham em empregos com horários não convencionais. No entanto, também pode exigir um compromisso significativo de tempo e energia, especialmente ao trabalhar com clientes. Quanto à finalização de vendas por outra pessoa, isso pode depender das políticas específicas da imobiliária. Recomendamos que você converse com potenciais empregadores para discutir essa possibilidade.