Muitas vezes, em alguma etapa do processo de venda aos clientes, a empresa se esquece de ou se despreocupa em intensificar o relacionamento que tem com seu público-alvo, sobretudo aquelas pessoas que já fazem parte de seus cadastros ou estejam fidelizadas. E neste pequeno descuido estão escondidas grandes oportunidades de negócios que deixam de ser efetivadas. Uma boa estratégia para manter adequadamente e gerenciar os laços de relacionamento com os clientes, bem como cativá-los, é colocando em prática a chamada régua de relacionamento. Você sabe o que é isso?

Uma interação de longo prazo

Uma régua de relacionamento consiste basicamente em se fazer um mapeamento de todos os contatos que a empresa deverá realizar com seu cliente ao longo do envolvimento comercial que será desenvolvido com ele, desencadeando etapas bem definidas para a comunicação com a pessoa. Com a implementação da técnica, será possível à empresa não apenas alimentar a relação que já tomou forma a partir do cadastro do cliente ou de sua primeira compra, mas também conservar a conectividade com este consumidor, evidenciando-se a boa diligência de seus serviços a ponto de eventualmente despertar ou reforçar outro interesse de consumo por parte daquela pessoa.

As etapas ou processos de comunicação

A empresa pode – e deve – aproveitar todas as oportunidades de engajar seus contatos, mas existem ações que se encaixam melhor com etapas específicas do relacionamento. Na fase de preenchimento dos formulários de cadastro, por exemplo, os consumidores devem ter plena segurança e clareza acerca do que vai acontecer dali para frente, sendo informados acerca da frequência e dos tipos de mensagens que receberá por e-mail ou por smartphone. Medida equivalente serve para outras etapas, como a confirmação de e-mail e boas vindas, a compra em si, a confirmação de pedido, o envio do pedido, felicitações pelo aniversário ou outras datas comemorativas, mensagem de abandono de carrinho de compras, relacionamento de pós-venda, tempo de inatividade, entre outros. A cada um desses componentes da régua de relacionamento, deve-se planejar uma ação comunicativa com o cliente, através de SMS, e-mail ou chamada telefônica, respeitando as preferências por ele indicadas no cadastro.

Uma comunicação mais organizada

Como são várias as possibilidades e os canais de comunicação, empregar um recurso como a régua de relacionamento possibilita colocar um pouco de ordem na interação com os clientes, de modo que a transmissão de mensagens e o intercâmbio de informações vai ter como base um conjunto de eventos pré-definidos. Por isso, é muito importante que as mensagens sigam um parâmetro semelhante de linguagem e forma de interagir, para transformar a comunicação multicanal em um caminho discursivo coerente e fácil de entender. Porém, o recurso não deve ser usado de forma incisiva ou em excesso, a fim de não importunar os clientes com o exagero de mensagens enviadas.

Uma régua de relacionamento bem estudada e planejada vai propiciar não só os momentos mais adequados para estabelecer os contatos com os compradores, conforme a ação ou a demanda de interação, mas será capaz de estimular a fidelização dos clientes, o engajamento dos contatos e o aumento das vendas de seu negócio.

E você, já pensou em estabelecer uma estratégia como essa para sua empresa? Conte para nós através dos comentários!

Quer saber mais sobre o BemDireto? Confira aqui todas as oportunidades para gerar novos negócios.

Comente aqui